Review: iOS 5

iOS 5

Junto ao lançamento do iPhone 4S veio o iOS 5, que estava há alguns meses em período de beta para desenvolvedores. Como parte do Review do iPhone 4, eu ia escrever um artigo contando minha experiência com o iOS 4. Mas já temos um novo update, então por que não escrever sobre ele logo?

iOS 5? O que é isso?

O iOS é o sistema operacional que está presente em todos iPhones, iPods Touch, iPads e também nas Apple TVs (neste último caso, um pouco diferente). Antes de sua quarta versão, o SO (sistema operacional) era conhecido apenas como iPhone OS. Mas com tantos produtos usando o mesmo SO, não tinha mais como manter o nome de apenas um deles!

O iOS possui vários aplicativos pré-instalados, como o Mail, Calendário, Fotos, Câmera e Mensagens, que dão ao iPhone (e outros iGadgets) suas funcionalidades básicas.

E o que você achou das novidades?

A quinta versão do iOS trouxe uma penca de coisas novas! Muitas delas são funcionalidades escondidas no sistema, ou otimizações que melhoram a performance em determinados casos: afinal, o iOS 4 já era um SO maduro e bem amarrado, ao menos para a maioria dos usuários. No entanto, algumas funcionalidades novas são bem visíveis. As que mais gostei são: Central de Notificações, Edição de Fotos, Lembretes, novidades na Lockscreen, PC free, iCloud e os apps Find My Friends e Cards.

Central de Notificações

Mensagens de amor que o Marcio me manda no Whatsapp!

Lembra quando eu escrevi, logo acima, que o iOS 4 já era um SO maduro e bem amarrado? Pois é, isso não significa que ele não tenha coisas ruins! A principal delas, para mim, era a forma como as notificações eram exibidas pelo sistema: simplesmente aparecia um pop-up no meio da tela e eu tinha de escolher se agia naquela hora ou tentava me lembrar depois. Se fossem várias notificações, então, era um pesadelo: todas elas pulavam juntas na frente do app que eu estivesse usando e não deixavam eu continuar o que estava fazendo.

Para continuar vivendo bem, eu fiz o jailbreak e usava o Mobile Notifier. Ele agrupava as minhas notificações em uma tela, para que eu pudesse lidar com elas quando achasse necessário. Também as exibia na lockscreen (tela de bloqueio), além de exibí-las de modo muito menos intrusivo do que o maldito pop-up: um pequeno banner aparecia no topo da tela para me avisar sobre aquela notificação, e em pouco tempo ele iria embora sozinho.

Qual não foi minha surpresa ao saber que o desenvolvedor que fez o Mobile Notifier tinha sido contratado pela Apple e que a própria agora ia incluir uma funcionalidade no iOS 5 que faria a mesma coisa! Meu respeito pela comunidade jailbreaker (não aos piratas) cresceu bastante. Essa solução também não é inovadora, devo dizer: o Android usa uma “central de notificações” desde sua primeira versão.

Minha experiência com a Central de Notificações tem sido bastante positiva. Realmente muda a forma como uso o smartphone: rapidamente eu tenho noção do que precisa da minha atenção ou das novidades com um simples gesto. Essa foi uma funcionalidade muito boa e bem implementada, praticamente ela sozinha me convenceu a largar o jailbreak por enquanto e partir para o iOS 5 “puro”.

Edição de Fotos

Era uma funcionalidade que fazia uma certa falta nos primeiros minutos usando a câmera do iPhone, mas logo o usuário baixa um app para isso. Mas uma opção pré-instalada e que funcione bem é sempre bacana: um smartphone tem de entregar uma boa quantidade de funcionalidades sem ficar forçando o usuário a baixar apps para tudo. A edição de fotos no iOS 5 ocorre dentro do próprio app Fotos, clicando no botão Editar. Lá o usuário tem a opção de remover olhos vermelhos, melhoria automática e cortar a imagem. Nada inovador, mas facilita em muitos casos.

Lembretes

Uma funcionalidade que eu achei muito bacana, mas ainda não consegui usar direito! O potencial desse app é enorme: nunca mais esqueça de fazer algo em momento ou lugar nenhum. O app Lembretes pode te enviar uma notificação sempre que você passar perto do supermercado, por exemplo, e te dar sua lista de compras. Ou fazer você lembrar de deixar o carro na lavagem quando sair de casa.

Por depender de endereços da lista de contatos ou de etiquetas que você pré-define, a utilidade desse app caiu um pouco para mim. Se houvesse uma opção para navegar no mapa e fixar um ponto qualquer, seria ótimo. Se existir já essa função, desculpem-me pelo vacilo!

Novidades na Lockscreen

Mais uma vez a demonstração de amor gratuito :)

A central de notificações invadiu a tela de bloqueio. Agora, as notificações vão se acumulando quando você as recebe com o gadget bloqueado, criando uma lista semelhante a da central. Para ir direto ao app de uma notificação, basta deslizar o dedo sobre a mesma, do mesmo jeito que desbloqueia o gadget. Gostei bastante dessa funcionalidade!

Além disso, agora é possível acessar a câmera direto da lockscreen. Basta apertar o botão Home duas vezes e aparecerá o botão da câmera ao lado da seta de desbloqueio. Muito mais rápido do que desbloquear e procurar o app de câmera! Uma pena que não dá para escolher qual app de câmera usar (para aqueles que usam outros apps para tirar fotos ou gravar vídeos). Isso porém, não me incomoda. O único ponto desfavorável dessa novidade é que é preciso apertar o botão Home duas vezes para que o botão da câmera apareça!

PC free

Não, não é um PC de graça! Na verdade, esse conjunto de funcionalidades finalmente libertam os gadgets da Apple dos PCs ou Macs. Não é mais necessário fazer uma configuração inicial ou mesmo backups no PC. Agora a experiência inicial de se comprar um iPad ou iPhone, por exemplo, melhorou ainda mais! Na primeira vez que o gadget é ligado, você pode selecionar as configurações básicas e pronto: ele já está plenamente funcional.

iCloud

O iCloud vem para facilitar a vida de quem tem mais de um gadget, ou mesmo para facilitar os backups. Todas as suas configurações e documentos são sincronizados com os servidores da Apple automaticamente, assim você sempre terá os documentos mais atuais em todos os seus gadgets, assim como os contatos, calendários e configurações de apps que suportem a funcionalidade. Você pode começar um documento no iPhone e terminá-lo no iPad, ou mesmo passar de algumas fases de Angry Birds (assim que ele receba o update com essa funcionalidade, claro) no iPad e depois continuar do ponto onde parou no iPod. E, caso você troque o seu gadget por um mais novo, pode continuar do mesmo jeito que estava seu gadget anterior, sem precisar reconfigurar tudo!

Find My Friends

Esse, na verdade, é um novo app lançado pela Apple junto com o iOS 5. O que eu mais gosto dele é o leque de possibilidades para novos apps, porque junto com o iOS 5 foi liberada uma nova leva de APIs de localização que permitem que os apps saibam de sua localização mesmo sem estarem rodando. Isso, claro, se você permitir. O foursquare já lançou um update para seu app que utiliza essas novas APIs em uma nova funcionalidade: o Radar, que te dá sugestões de onde fazer checkins e outras coisas.

O próprio Find My Friends é bacana, mas para mim peca no mesmo lugar que o Facetime: apenas usuários de gadgets da Apple podem usá-lo. Meus amigos que tem smartphones Android, por exemplo, não aparecem na lista. No entanto, é uma funcionalidade bacana para uma família, caso cada um tenha um gadget da Apple.

Cards

O app Cards não tem nada novo. É parecido com o Postagram: você escolhe um modelo, uma foto, um texto e pode enviar um “cartão postal” para alguém em qualquer lugar do mundo. No entanto, o app é muito bem feito e mereceu uma menção!

Finalizando

O iOS 5 é um bom update para o seu iPhone, iPod ou iPad. Com essas novidades, você estará praticamente igual a quem comprar um novo iPhone 4S, com algumas poucas exceções como o Siri, câmera melhor e processador mais veloz.